É comum buscar comparações entre os processos de revalidação pra o UK (o PLAB) e para os EUA (USMLE), apesar de que deveriam ser tratados como procedimentos completamente opostos.

Com relação ao tempo total de período de revalidação, e de complexidade para conseguir o diploma estrangeiro, o PLAB certamente é um procedimento mais rápido e simples. Você deve realizar o IELTS, as duas provas do PLAB, e após uma série de burocracias (que você deve esperar ao tentar emigrar para qualquer país) você consegue o diploma com a licença completa para praticar. Com relação ao USMLE, até onde tenho conhecimento de experiencia de colegas, envolve um periodo de no minimo 2 anos de estudo intenso e diário para realizar 3 provas, que vão desde bioquimica básica até a clinica mais avançada. Este material inicial, de bioquimica/anatomia/microbiologia é muito pouco cobrado no PLAB, sendo o PLAB1 correspondente mais ou menos ao STEP 2.

Além do tempo, para conseguir trabalhar nos EUA você vai demandar uma quantidade de dinheiro significativamente maior. O USMLE envolve além das 3 provas, a necessidade geralmente de realizar 2 estágios fora (que não são obrigatórios, mas são altamente recomendados para aqueles que querem entrar em um progama de residência competitivo), para que consiga-se a carta de recomendação. Muitas vezes isso implica um gasto não somente direto, como indireto considerando o período que você deverá se ausentar do seu trabalho no Brasil para realizar um treinamento ou um fellow de graça nos EUA. Para o PLAB os estágios são importantes, mas não são essenciais, e algumas pessoas até indicam não realizá-los considerando que há outras formas de empregar melhor o seu tempo e dinheiro.

Apesar dessa “praticidade’ do PLAB, acredito que o periodo inicial a curto prazo não deve ser mais importante que outras prioridades que você deve definir para o seu projeto a longo prazo. Afinal, para terminar por completo e conseguir o titulo de especialista, o nível de consultant, no Reino Unido você estará enfrentando um período minimo de 8 anos aproximadamente, enquanto nos EUA o periodo de residencia médica são mais ou menos similares que os do Brasil, com um progama que de certa forma se assemelha muito com o nosso.

No que se refere a prática médica, vou me ater a comentar mais sobre o que conheço, pois não tenho muita leitura de como ocorre a prática médica nos EUA, principalmente nos primeiros anos. O que sei é que lá, o retorno financeiro é infinitamente maior que no UK, sendo um dos paises em que você como médico será mais bem pago. Mas talvez isso não seja importante para você, assim como para mim, e a possibilidade de trabalhar no NHS, um sistema publico e universal de saúde que é considerado por algumas pessoas como o melhor sistema de saude do munto, mesmo que muitos ainda discordem disso. Apesar de qualquer coisa, o NHS continua sendo um sistema organizado, com salarios no minimo justos para os nossos padroes, e onde você poderá realizar uma Medicina proximo daquilo que aprendeu ao longo de sua vida, e aonde alguns fisiologismos e particularidades de atender e trabalhar no Brasil simplismente não existem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.